quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Morre Marquinho ou Dj Markin New Charme aos 42 anos.

Clique e ouça -


Por Cultne: Festa do Charme em super produção no no Teatro Grande Otelo na Funabem nos anos 80, comemorando o aniversário do grupo de dança New Charm, do produtor e coreógrafo Marquinhos New Charme em seu trabalho social a frente da Funabem - Fundação Nacional do Bem Estar do Menor em Quintino, no Rio de Janeiro. Era o auge do charme e Dom Filó e a sua Cor da Pele produziram este vídeo inédito. Bons tempos dos grupos de dança e elegãncia com muito charme no Disco Voador com a Casino Disco Clube, Yones DJ, Claudinho DJ, Loopy DJ, Fernandinho DJ, Zezinho Andrade, Corello DJ, Arthur DJ, PC DJ Orlando DJ, Alexandre Careca DJ, Serginho Flash Back DJ, Wiliam DJ, Santana DJ , Ogro DJ (Victor),Rogério DJ, Lula DJ e centena de outros charmeiros. A Casini Disco Clube teve um papel fundamental ao lado de Dj Corello no processo do charme no Rio de janeiro. Os programas de charme "Casino Disco Clube" comandado por Dom Filó e Zezzinho Andraddy na antiga Rádio Imprensa e na RPC pelo DJ Corello tornaramm se referência no meio musical, a exemplo do programa de Big Boy na rádio Mundial nos anos 70 no Rio de Janeiro.Fonte: Cultne Acervo



 
O termo Charmeiro, é utilizado para designar os apreciadores de uma vertente da black music (música negra americana), conhecida popularmente no Brasil como charme, termo usado para o RB contemporâneo no Brasil, que se desenvolveu a partir do urban. Durante a trajetória do movimento charme, desde seu início nos anos 1980, os charmeiros passaram a classificar as músicas e chamá-las de acordo com a ocasião de respectivos lançamentos, atribuindo-lhes o nome de "flash back", às músicas produzidas até meados dos anos 1980 e "midbacks" às produzidas entre o final dos anos 1980 e em toda a década de 1990. Esta denominação diferenciada das músicas no Movimento Charme também se deve parcialmente à existência de variadas vertentes dentro deste estilo, como por exemplo New Jack Swing, Smooth jazz, Slow Jams Urban e RB Contemporâneo, que foram, dependendo de sua época, mais comumente produzidas e executadas.Fonte: Cultne Acervo

CULTNE - Grupo New Charm - pt1



Com certa regularidade são promovidos bailes de flash back e midbacks, especialmente para reunião de antigos freqüentadores dos bailes charme. Nestes bailes especiais, é nítida a diferença entre a faixa etária de seus freqüentadores, tradicionalmente chamados de "cascudos", em relação àquela vista em bailes com músicas atuais.Fonte: Cultne Acervo

CULTNE - Grupo New Charm - pt3
 

Fonte: Cultne Acervo




Alex dj e Markin New Charm 
ESTOU MUITO TRISTE POR ESSA PERDA! ELE ERA MASTER, UM DOS MELHORES QUE JÁ TINHA VISTO TOCAR EM BAILES!
QUE ELE DESCANSE EM PAZ!! Por Jussara 
Época boa, pois Eu tive sorte e o prazer de conhecer o Loopy o New Charme e o Samuel França, e fui até privilegiado de comprar alguns desses singles repetidos da parceria dos dois, tipo: Mica Paris, Skipworth e; Turner e etc.só pancada! estava descobrindo o charme alí ... foi quando eu conheci os três lá na Mundi 860 no glória..trabalhei a vida inteira em rádio e ficava na rádio que eu trabalhava ouvindo os três, e no ar, no mesmo horário e claro só monitorando e que eles tocavam e falavam. tocava lá, se eu tivesse , também tocava cá hehehe. sou apaixonado pela música e pelo rádio, e queria saber de onde vinha aquele som Am Stéreo pesado só tocando musicão!!!! grandes lembranças daqueles dias.. ainda tenho todos os discos até hoje e amizade do loopy e do Samauel e claro: boas recordações do New charme. Por Claudio Fields.

OBS: ALGUMAS FOTOS DESSA MATÉRIA, FORAM EXCLUIDAS DEVIDO A  RECLAMAÇÃO DE DIREITOS AUTORAIS DE UMA PESSOA. 

5 comentários:

CHBA disse...

Tive pouco contato com o Marquinho, mas pelo pouco que o conheci me pareceu ser uma excelente pessoa. Foi um cara a frente do tempo. Só houve um episódio que talvez tenha sido responsável pelo seu afastamento do Rio. Foi em um baile no Disco Voador em que ele na época, já DJ, premiou os melhores do ano no Charme no começo da década de 2000. Eu estive presente nesse evento e vi o empenho que ele teve, mas infelizmente não agradou a todos. A partir daí ficou meio ''queimado'' no meio, o que na minha opinião foi uma grande injustiça com um cara que fez muito pelo charme.

Blackmary Music disse...

Realmente uma pena mesmo. Obrigada CHBA por mais essas informações sobre o Marquinho. Um abraço e FELIZ NATAL.

bahiapqd disse...

Também fico triste pela perda até então porque sou um antigo aluno da funabém na época do dj marquinho entrei na funabém em 1980 e sai em 1987 tínhamos a mesma idade também sou de 1970. e acompanhei a sua trajetória . alguém saberia me dizer como foi a morte por favor. hoje sou evangélico mais ainda gosto de uma boa musica . como o comentário de CHBA acima meu amigo tive um desprazer com o dj markim não sei se foi o dia mais me tratou muito mal . até hoje não sei porque, no baile do viaduto de madureira , estava lá também o dj loop. mais amém espero que Deus tenha misericórdia de sua alma .

josue bispo do carmo disse...

http://reportereduandersilva.blogspot.com.br/2013/12/dj-marki-new-charme-que-trabalhou-na.html

Marciano Ramos disse...

Olá BOA tarde ,sou um ex aluno d escola 15 de novembro eu ainda como moleque eu já curtia esse cara que tinha na sua veia o o o ritmo da batida ele e muitos outros serviam de inspirações para nos ou seja a vida é muito misteriosa é todo dia um vai e vem de 500 mil que se vai e 700 mil que vem ou seja um ciclo o mistério é que o que nasce procura o seu grupo ou seja ou seja uns tem tendencia pra isso outro pra quilo e mas isso qual seria a explicação pra tais coisa ou seja de repente o espirito volta em outro corpo procurando o mesmo grupo ou seja as peças boas se junto sempre com as peças boas e esse cara ai era uma boa peça se não voltar também fica ai o mistério quem sabe ,uma coisa é certa ninguém tem explicação porque eu curto o R&B ou seja nem eu consigo achar explicação o porque ,fica ai um abraço pra sua família e seus amigos